Secretaria de Saúde faz encontro para definir nova etapa de reformas de UBS e USF

24/08/2021 | Afonso Henrique Coelho Dantas

Na manhã desta terça-feira, dia 24, um encontro na Faculdade Santo Agostinho de Itabuna (FASA) discutiu sobre as próximas Unidades Básicas (UBS) e de Saúde da Família (USF) e instituições de Saúde da Prefeitura de Itabuna que passarão por reformas e requalificações por meio do convênio firmado com a faculdade. A secretária Lívia Mendes Aguiar se reuniu com a direção da instituição.

Mais uma unidade da primeira etapa será entregue à população nos próximos dias. A USF Amália Lessa, no Bairro Novo São Caetano, está tendo as obras concluídas. Pelo projeto, a partir da próxima semana, inicia-se a nova etapa de reformas com mais quatro Unidades Básicas e de Saúde da Família, com previsão de entrega até o final do ano.

Na segunda-feira, dia 30, serão iniciadas as obras de reforma das unidades USF Lavignia Magalhães, no Conceição; USF Corbiniano Freire, no Santa Inês; USF Dr. Mário Peixoto, no Jorge Amado; e USF Fátima II, no Bairro de Nossa Senhora de Fátima. Atualmente, a cidade tem 32 unidades na Atenção Primária, das quais três já foram entregues.

Além das unidades, ainda será incluída nesta nova etapa de reformas, o Posto Avançado do Samu-192, na qual funcionará a regulação de serviços, internato, garagem para as viaturas e dormitórios para funcionários. O prédio está localizado ao lado da sede da FASA, no Bairro Nova Itabuna. A recuperação estrutural também será entregue até o fim deste ano.

O engenheiro João Borges, da Borges Reformas, empresa contratada por meio do convênio com a FASA para realização das reformas, aponta que os principais desafios dessa nova etapa incluim estruturas e redes. “Garantir a estanqueidade do telhado, revisão das partes elétricas e hidráulicas e pinturas será o principal desafio”, afirmou.

E acrescentou: “Das unidades da nova etapa de obras, a UBS Lavínia Magalhães é a que carece de mais atenção e demandas para sua integral reestruturação, a exemplo do telhado e tratamento das infiltrações. Nas paredes, etc.”

A secretária municipal de Saúde, Lívia Mendes Aguiar, aponta que as reformas não param por aqui. “O objetivo da gestão do prefeito Augusto Castro é requalificar o máximo de unidades para trazer dignidade e qualidade de volta para os serviços de saúde prestados à população. As UBS e USF são as portas de entrada na rede de Atenção Primária. Por isso, não vamos poupar esforços em buscar um serviço de excelência”, frisou.

No encontro também participaram a subsecretária de Saúde, Lânia Peixoto, o diretor da FASA Itabuna, Luciano Tourinho, o engenheiro da Secretaria de Saúde, Tiago Silva, e demais diretores da instituição de ensino superior.
__________
Departamento de Comunicação Social
Secretaria de Relações Institucionais e Comunicação