COMPONENTE CURRICULAR “HISTÓRIA” FOI O TEMA DA FORMAÇÃO CONTINUADA DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO, NESTA QUINTA (23)

24/07/2020 | Assessoria de Comunicação

A Formação Continuada à Distância da Rede Municipal de Ensino de Itabuna, realizada pela Secretaria Municipal da Educação (SME), contou, nesta quinta-feira (23), com a participação do professor doutor Cláudio Félix dos Santos (foto), da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), que sob a mediação da professora Alena Santos da Silva (assessora do Departamento da Educação Básica – DEB/SME), explanou sobre o tema “O Componente Curricular História à Luz da PHC”. A formação continuada tem os professores da rede como público-alvo e a construção do referencial curricular como objetivo final da formação.

Logo no início dos trabalhos, o doutor Félix dos Santos provocou o seu público com uma pergunta singular: “Por que ensinar História?”; e falou sobre essa área do conhecimento como um ‘campo de batalha’, especificando como ela inspira debates em todas as instâncias de discussões acadêmicas da Educação.

Santos explicou ainda que não por acaso, a Pedagogia Histórico-crítica (PHC), que tem o professor Dermeval Saviane como precursor, e que dá a base teórica para o atual sistema de ensino vigente da Rede Municipal de Itabuna, abarca suntuosamente a área de História. Para ele, pensar nesse componente curricular, em consonância com a PHC, pressupõe reconfigurar o ensino de História, sem se perder de vista “a concepção da verdade numa perspectiva dialético-filosófica voltada para uma consciência sincrônica e diacrônica da História”. “Tudo isso”, apontou, “suscita, à luz da PHC, questionamentos críticos (‘Que mundo é esse?’), uma concepção histórico-transformadora e a necessidade de se enfrentar o anacronismo”.

Uma das expectadoras mais entusiasmadas da transmissão, entre os 393 que acompanharam, a secretária municipal da Educação, professora Nilmecy Gonçalves, se sentiu particularmente envolvida com o tema, por ser História o seu componente curricular. “Neste momento, estamos já observando uma inter-relação entre todas as falas, explanações e palestras, combinando esse mosaico de conhecimentos que perpassam pela PHC, pela proposta político-pedagógica ‘Pelo Direito de Aprender’ e pelos componentes curriculares que compõem o referencial curricular. No que se refere ao componente História, foi muito boa a fala do doutor Félix dos Santos, especialmente quando falou sobre enfrentar o obscurantismo e a negação do passado, algo que inclusive necessário não acontece somente no Brasil”, avaliou.

A live desta quinta-feira foi a oitava da segunda etapa da formação, que tratou, ainda, na primeira etapa, da saúde física e emocional dos professores em tempos de pandemia. Os trabalhos serão retomados na próxima segunda-feira (27), com a professora Larissa Quachio Costa (da Rede Estadual de São Paulo / Serviço Social da Indústria – SESI), falando sobre “O Componente Curricular Língua Inglesa à luz da PHC”, às 14h, sempre com transmissão pelo canal do Núcleo de Tecnologia Municipal (NTM), no You Tube. Todas as lives contam com tradução simultânea para a Língua Brasileira de Sinais (Libras).

_

Prefeitura de Itabuna.
Secretaria Municipal da Educação (SME).
23/07/2020.