PREFEITURA DE ITABUNA E PM ASSINAM TERMO PARA EXTENSÃO DO VETOR DISCIPLINAR EM ITABUNA

14/01/2020 | Assessoria de Comunicação

O prefeito de Itabuna, Fernando Gomes, acaba de assinar, em Salvador, os termos de cooperação técnica entre Prefeitura Municipal de Itabuna e Polícia Militar do Estado da Bahia (PMBA) que oficializa a extensão do Vetor Disciplinar para mais quatro escolas da Rede Municipal de Ensino de Itabuna. A assinatura do termo aconteceu no gabinete do Comando da Polícia Militar, com as presenças do comandante da PMBA, Coronel PM Anselmo Brandão e da secretária municipal da Educação de Itabuna, professora Nilmecy Gonçalves. Participaram ainda o coronel PM Antônio Sebastião dos Santos Rocha, chefe de gabinete do Comando da PM; o tenente-coronel PM Ricardo Albuquerque, coordenador estadual do Vetor Disciplinar; e o comandante do 15º Batalhão da Polícia Militar de Itabuna, o tenente-coronel PM Ferreira Lopes.

Pelas assinaturas, oficializa-se a inserção do vetor nas escolas Margarida Pereira (Pedro Jerônimo), CAIC Jorge Amado (Jardim Primavera), Lourival Oliveira Soares (Ferradas) e Flávio Simões (Califórnia). Em 2019, o vetor já fora inserido no Instituto Municipal de Educação Aziz Maron (IMEAM), como uma experiência piloto e a rigor das comemorações dos 40 anos de existência daquela unidade de ensino. Os resultados aferidos motivaram o prefeito a se decidir por estender o vetor para as demais quatro maiores escolas da rede que ainda não contavam com essa parceria.

Segundo o prefeito, “o Vetor Disciplinar é bom, pois ajuda a educar os alunos, organiza as escolas e permite que os professores possam dar aula num ambiente organizado e dinâmico”.

A secretária municipal da Educação de Itabuna, professora Nilmecy Gonçalves, ratificou que a decisão do prefeito de estender o Vetor Disciplinar para outras escolas é um ato de coragem. “Se estamos num tempo em que infelizmente os índices de vulnerabilidade entre crianças e jovens, em Itabuna, são alarmantes, nada mais assertivo do que levar uma ferramenta importante como o Vetor Disciplinar para ajudar, para contribuir com o trabalho pedagógico que já está sendo conduzido na Rede Municipal de Ensino, dando aos diretores pedagógicos, aos coordenadores, aos professores e aos próprios estudantes caminhos mais auspiciosos na garantia do direito de aprender. Estamos muito felizes com esse ato e tenho a certeza de que Itabuna também está amplamente feliz com as mudanças que se propõem para essas unidades”, disse a secretária.

Ela aponta ainda que a experiência do Vetor Disciplinar nas escolas não é uma ação inédita no Estado da Bahia. “Ao longo dos anos, a PM vem se aproximando cada vez mais das questões sociais e se aproximando de uma maneira mais acolhedora, contribuindo na melhoria da vida das pessoas em diversos aspectos, a rigor da criação da Ronda Escolar, do Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) e da Ronda Maria da Penha, criada especificamente para prevenir e combater a violência contra as mulheres. Com o vetor, a PM passa a contribuir também com a disciplina dos estudantes”, concluiu Gonçalves.

Já nas próximas semanas, a Prefeitura de Itabuna estará desencadeando uma força-tarefa inédita no município com a perspectiva de preparar as escolas que receberão o vetor. Entre as premissas da inserção, se prevê um novo fardamento (que, assim como o IMEAM, terá uma vestimenta provisória, até que se articule o uniforme definitivo), as escolas terão uma nova identidade visual, próxima daquela que é praticada pela Polícia Militar (nas cores branco, azul e vermelho) e os integrantes das equipes do vetor de cada unidade serão escolhidos pela Polícia Militar.

Os estudantes que estarão matriculados nas escolas Margarida Pereira, CAIC Jorge Amado, Lourival Oliveira e Flávio Simões já terão o vetor inserido nas escolas no início do ano letivo de 2020, previsto para acontecer no dia 18 de maio. Com a assinatura dos termos de cooperação técnica, Itabuna passa a ter não só a maior escola do Estado da Bahia a contar com o Vetor Disciplinar (citando o IMEAM, com seus quase 1.400 estudantes), como também passa a ser a cidade a ter a maior quantidade escolas a contar com a inserção deste importante suporte de apoio.