Itabuna foi o único município baiano contemplado com verbas para o PAA

02/12/2019 | Assessoria de Comunicação

Itabuna comemora o retorno do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e já com uma verba de R$200 mil do Ministério da Agricultura (MA). A liberação dos recursos foi possível graças a intermediação do Deputado Federal Raimundo Costa, que se tornou um importante aliado do município, segundo destacou o consultor da Secretaria de Sustentabilidade Econômica e meio Ambiente (Sema) e coordenador do PAA em Itabuna, Roberto Pacheco.

Inicialmente serão beneficiados 40 agricultores, mas Roberto acredita que até o trimestre do próximo ano esse número dobre com a perspectiva de novo montante dos recursos federais. O repasse do dinheiro pelo MA é feito diretamente na conta do produtor rural da agricultura familiar, como pagamento de parte da produção adquirida pela prefeitura por meio da Sema. O município, por sua vez repassa os alimentos às instituições assistenciais cadastradas na prefeitura, como abrigos, creches e escolas e para a Maternidade Esther Gomes (Mãe Pobre), como explicou o coordenador.

Ele disse que o PAA é uma importante ferramenta que permite o município comprar produtos, como hortifrutigranjeiros, diretamente do pequeno produtor rural, “o que o estimula a investir ainda mais em sua produção que já tem destino certo, ao ser adquirida pelo município”, frisou Roberto. Ele destacou que além da geração de emprego e renda, outro fator importante é a garantia da permanência do homem no campo, que contribui decisivamente para o desenvolvimento social, econômico e financeiro no município.

O coordenador do PAA reforçou a importância do programa também para o fortalecimento da atividade na agricultura familiar, o escoamento fácil e garantido, uma produção de alimentos orgânicos e altamente saudáveis, além do incentivo pela organização das cooperativas e associações como as já existentes e cadastradas na prefeitura.

Além de Itabuna, único município na Bahia, também foram contemplados seis municípios Rio Grande Sul, um do Acre e outro de Minas Gerais, conforme o Diário Oficial da União, em sua edição de número 224, do dia 20 de novembro deste ano.

__________________________
Diretoria de Comunicação Social
Texto: Rosi Barreto