SME DESTACA VITÓRIAS E AVANÇOS NA QUALIDADE DE TRABALHO E DE ENSINO NA REDE MUNICIPAL

03/10/2019 | Assessoria de Comunicação

Tendo como modelo de sua Proposta Político Pedagógica “Pelo Direito de Aprender” a busca constante por melhorar a qualidade de ensino das escolas Rede Municipal de Ensino e a qualidade do trabalho dos profissionais do magistério, a secretária municipal de Educação de Itabuna, professora Nilmecy Gonçalves, fez, nessa semana, um balanço dos avanços conquistados pela Prefeitura de Itabuna, através da Secretaria Municipal da Educação (SME), especialmente para a categoria que estará sendo homenageada no dia 15 de outubro, com a passagem do Dia do Professor.

A secretária indica que a atual gestão “vem efetivando uma política de ajustes que vem permitindo aos professores do município de Itabuna melhorias importantes. As análises técnicas de tudo o que vem se desenhando dão conta de que a prefeitura está no caminho certo para que as vitórias até aqui alcançadas sejam convertidas num prisma de que é possível melhorar a qualidade do trabalho, garantir o direito de aprender do aluno, sem perder de vista a figura indissociável do processo do ensino e aprendizagem, que é a do professor e tendo como resultado a melhoria na qualidade do ensino”, disse a secretária, indicando que, ao assumir a SME, já contou com o apoio do prefeito Fernando Gomes em demandas importantes, como a reinauguração do Lúcia Oliveira (Instituição de Educação Infantil Lúcia Oliveira), dando ao município e aos profissionais que atuam naquela escola um equipamento bastante diferenciado em seu modelo operativo, equiparável às melhores brinquedotecas e escolas particulares de Itabuna. Na mesma perspectiva, aponta que houve investimentos importantes da prefeitura na aquisição de utensílios e eletrodomésticos de cozinha. “Para estudar, as crianças da rede precisam estar nutridas. Por isso, reequipamos todas as escolas com itens como freezers, fogões domésticos e industriais, liquidificadores domésticos e industriais, máquinas de lavar roupas, pratos, panelas, bacias, talheres, etc.”. A reorganização da alimentação escolar, aliás, não se resume às aquisições, destaca a secretária, informando que os servidores públicos que atuam diretamente com a manipulação e preparo dos alimentos vêm passando por cursos formações específicas com as equipes de Nutrição da secretaria.

“Os cursos de formação também têm sido fomentados para os professores da rede numa dimensão bastante ampliada do fazer pedagógico, colocando o Centro de Formação e Tecnologia Municipal (CFTM) como um centro de excelência de suporte às escolas e ao trabalho dos professores. Para além disso, a austeridade com que as finanças estão sendo conduzidas colocam a secretaria num papel de especial destaque, com pagamentos em dia, e reajuste nos proventos dos professores seguindo os percentuais orientados pela Lei do Piso. Também é preciso falar, ainda em termos de finanças, que o município está conseguindo garantir pagamentos de horas extras para os professores de 1º ao 3º ano que estão procedendo o planejamento individual, quinzenalmente aos sábados, na proporção de um terço a mais de carga horária (reserva técnica), como prevê a lei; e foi devolvido aos profissionais o pagamento da Atividade Complementar (AC)”, completou Gonçalves, traçando ainda um panorama mais completo de como a gestão vem discutindo com a categoria estratégias assertivas de valorização, como reforma de unidades escolares e a chegada do Vetor Disciplinar no IMEAM e que será estendido para outras quatro escolas.

Falando de um trabalho feito em parceria com os professores, Nilmecy Gonçalves disse ainda que tem visitado as escolas, tem percebido que os profissionais são dedicados e que o município já consegue dialogar com a categoria de forma mais direta. “Estamos empenhados, por exemplo, na garantia do tempo de aprendizagem dos alunos e sempre que possível estamos negociando a reposição das aulas quando estas são suspensas por quaisquer motivos”, declarou destacando, por exemplo, que em relação às últimas paralisações orientadas pela representação sindical, a reposição já foi articulada e a falta que foi descontada será reposta na folha do mês de outubro.

Segundo a secretária, o município ainda pretende reformar o espaço onde funcionou a Casa do Educador, transformando-o na nova sede do CFTM, da Escola Municipal de Dança e de outros projetos importantes. E pretende ampliar significativamente aspectos importantes da docência, com incentivo à leitura, extensão das parcerias com diversos outros atores sociais, especialmente com o empresariado itabunense, sem perder de vista por exemplo, o incrível apoio que os próprios professores vêm empreendendo em projetos como o Olhar Criança (Lions Club Itabuna), Eco Lacre Solidário (parceria com o CEBRAC), Concurso Literário Adelindo Kfoury (Rotary Club), o projeto de adoção, parte da Maçonaria 28 de Julho, dos melhores alunos de 9º ano das escolas da rede, que serão presenteados, ao final do ano letivo, com um notebook, entre outros.

“De tudo quanto mais importante sobre o Dia do Professor, eu quero dizer que, como professora, me sinto especialmente abençoada. Sempre procuro agir com o meu colega de trabalho sempre com bastante carinho e eu acredito que esse comportamento se transforma num movimento efetivo ‘em rede’, uma vez que, quando você se sente respeitado, acarinhado e valorizado, isso se manifesta no modo como o professor se relaciona com o estudante. Nunca perdi de vista que professor e estudante são os grandes norteadores de nosso trabalho e, não só em nome da secretaria, mas em nome do prefeito Fernando Gomes e de todos os integrantes das equipes de trabalho da prefeitura, queremos desejar aos nossos professores um Feliz 15 de Outubro. Que essa rede esteja cada vez mais abençoada e iluminada, para que cada profissional seja cada vez mais reconhecido, porque é isso que está nos nossos corações e é isso que queremos garantir”, finalizou a professora Nilmecy.