Sesttran apresenta balanço após vistorias obrigatórias de escolares, táxis e mototáxis

26/06/2018 | Assessoria de Comunicação

A Diretoria de Transportes da Secretaria de Segurança, Transporte e Trânsito – Sesttran, após conclusão de balanço interno das vistorias obrigatórias anuais, já realizadas pelo órgão este ano, estabeleceu um prazo final de 30 dias para que os mototaxistas já vistoriados resolvam pendências junto ao setor. Segundo dados da Diretoria de Transportes da Sesttran, após a vistoria das Vans Escolares, realizada no período de 19 a 21/02/2018, 90 veículos foram considerados aptos ao trabalho e dois alvarás foram cancelados. Já a vistoria dos táxis, feita entre os dias 05 e 23/03/2018, contabilizou 588 veículos vistoriados, sendo 541 considerados aptos e o restante se encontra em processo de regularização. O órgão também finalizou o balanço da vistoria obrigatória para os mototaxistas e em um total de 465 motocicletas vistoriadas, 436 foram consideradas aptas ao trabalho e o restante está em processo de tramitação para regularização. O Assessor da Divisão de Transportes Especiais da Sesttran, Pedro Miguel Júnior informa, “que ainda esta semana o órgão expedirá portaria fixando o prazo limite de 30 dias (a contar da data da sua publicação) para que esses profissionais se apresentem ao órgão, já com as pendências definitivamente resolvidas e que o não cumprimento deste prazo, implicará no cancelamento definitivo do alvará”, conclui. O titular da Sesttran, Secretário Gilberto Santana considera “que as vistorias possuem um papel muito importante, à medida que permitem ao órgão fiscalizar os serviços prestados pelos permissionários dos diversos tipos de transportes públicos ofertados aos usuários, primando pela legalidade e segurança dos mesmos”, conclui.