Fiscalização e orientação asseguram preservação ambiental em Itabuna

05/06/2018 | Assessoria de Comunicação

Manter o equilíbrio ecológico e a natureza viva com ações educacionais e fiscalizadoras, além do incentivo ao plantio de árvores nativas com a doação de mudas à comunidade são dentre outras, as principais atividades permanentes da Secretaria de Sustentabilidade Econômica e Meio Ambiente da Prefeitura de Itabuna, por meio do Departamento de Licenciamento e Fiscalização Ambiental. O setor foi criado exclusivamente para garantir o cumprimento da lei de proteção ambiental no município.

Segundo a diretora do departamento, Tayla Marrocos, a preservação ambiental em Itabuna, está amparada na Lei no. 2195, de 2011 que institui a Politica Pública Municipal e prevê a consolidação à legislação mediante a instituição do código ambiental e o equilíbrio ecológico em Itabuna.

Outra ação importante do departamento, segundo ela, é o acompanhamento e orientação para poda, corte e plantio de árvores em áreas públicas, em atendimento à solicitação da população. “Também atendemos a denúncias quando ocorre poluição ambiental, a exemplo do lixo jogado às margens de rios e córregos, nas praças e jardins ou os outros atos de vandalismo como a destruição de plantas ou árvores em espaços públicos”.

Sobre a fiscalização ambiental, Tayla informa que é uma ação permanente e se faz necessária para coibir e prevenir ações que comprometam ou causem danos ao meio ambiente, um trabalho que segundo ela, deve ser feito com a participação ativa da comunidade. “Se temos um ecossistema preservado, bonito e saudável estamos assegurando uma cidade mais verde e mais bonita, e por extensão uma melhor qualidade de vida de seus moradores”.

Tayla Marrocos lembra também que o Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado neste dia 5 de junho, foi criado com objetivo principalmente, de promover atividades educativas de proteção e preservação do meio ambiente, com palestras sobre o tema nas unidades escolares e o plantio de mudas pelos estudantes, “além de alertar o público de um modo geral, sobre os perigos de negligenciar a importante tarefa de cuidar do mundo em que vivemos”.

A diretora conclui informando que a Prefeitura em parceria com a Ceplac e a Biofábrica, mantém um programa de distribuição de mudas para serem plantadas em áreas urbanas. Já a parceria com as universidades públicas e particulares locais, assegura a elaboração e execução de projetos ambientais, “uma parceria tão importante quanto a que mantemos com Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema) que disponibiliza técnicos e ambientalistas para a promoção de cursos e palestras”.