Fundação Marimbeta faz obras de melhorias e atende mais de 1.200 alunos

08/05/2018 | Assessoria de Comunicação

Pelo menos 1.200 alunos entre 14 e 18 anos garantiram vagas na Fundação Marimbeta, que abriu o ano letivo 2018 no início de fevereiro. Além das aulas normais, os estudantes também participam de oficinas pedagógicas e profissionalizantes em turno oposto, onde aprendem arte, cultura, lazer, cidadania e esporte. As quatro unidades da Fundação oferecem ainda oficinas de artesanato, informática, arte-verde, dança, e serigrafia.

Visando ampliar as oportunidades destinadas aos alunos, em 2018 também foram incorporadas novas modalidades profissionalizantes: panificação, corte e costura, ginástica rítmica, confeitaria, garçom, violão e teatro com a parceria do Senai. Oficinas de Muay Thai também integram a grade curricular dos alunos assistidos pela Fundação Marimbeta.

A presidente da instituição, Cleonice Almeida, informou que, para garantir melhor atendimento ao público alvo, foram feitas obras de melhorias em duas unidades. No sítio cinco, no bairro Nova Ferradas, foram recuperados telhado, instalações hidráulica e elétrica, limpeza da área e pintura nas paredes internas e externas. Já na unidade três, no bairro São Pedro, além de recuperação das instalações hidráulica e elétrica e pintura nas áreas externas e internas, o refeitório e a cozinha também foram reativados.

Cleonice Almeida comenta que uma das principais propostas da Fundação Marimbeta é promover uma maior integração dos alunos por meio do ensino aprendizagem a partir de aulas formais, mas também prepara-los para o mercado de trabalho nas oficinas profissionalizantes oferecidas gratuitamente em cada uma das quatro unidades.