Biblioteca municipal comemora 28 anos de existência

25/09/2017 | Assessoria de Comunicação

 

Prestando um serviço em busca da construção do conhecimento e do fomento à leitura entre os cidadãos de Itabuna e da região, a Biblioteca Municipal Plínio de Almeida comemora nesta segunda-feira (25) 28 anos de existência. Fundada em 25 de setembro de 1989, a biblioteca que funciona no Espaço Cultural Josué Brandão, na Avenida Aziz Maron, s/n, bairro Conceição, é um dos principais espaços de manutenção da história da cidade.

Com um acervo que contempla diferentes gêneros literários e autores conhecidos, inclusive filhos de Itabuna a exemplo do escritor Jorge Amado, a biblioteca recebe diariamente a visita de diversos estudantes das escolas da cidade. Segundo a responsável pelo local, Rita de Cássia Nascimento Santos, o público do espaço é composto principalmente por alunos de escolas municipais e estaduais. Ela observa que há ainda um grande número de concurseiros que utilizam a biblioteca para estudo.

Rita de Cássia conta que, apesar de enfrentar dificuldades por conta de problemas estruturais que ocasionou na interdição de parte do local, a biblioteca vem cumprindo um papel fundamental na valorização da cultura local. De acordo com Rita de Cássia, a previsão é que o espaço passe por uma reforma até o fim do ano. “A Secretaria de Administração e a Desenvolvimento Urbano já estão vendo uma forma de realizar melhorias aqui na biblioteca e, após isso, o nosso próximo passo será trabalhar para a informatização desta casa”, comenta.

A semana de aniversário reserva uma programação especial. Segundo Rita de Cássia, na segunda-feira (25), o Padre Tony Valério da cidade de Arataca irá ministrar uma missa dentro da biblioteca. Na terça-feira (26), haverá contação de histórias no local e na quarta-feira (27), a presença do núcleo Aprendendo Down. Já na quinta-feira (28), haverá o encerramento da semana comemorativa com a equipe do Projeto Letras que Voam, da Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC).

 

_____________________________

Texto: Wilson Santos

Fotos: Waldyr Gomes